CERTIFICAÇÕES

Todos os produtos disponibilizados por l’Herbier du Diois são certificados como produtos de agricultura biológica pela Ecocert. Alguns possuem ainda certificações específicas (Biosuisse, JAS, etc.), consoante os métodos de produção utilizados e as especificações aplicadas. Estas certificações garantem a conformidade com o modo de produção biológico, através do controlo das plantas desde o campo de produção ao produto acabado, passando por todas as etapas do processamento. Análises aprofundadas realizadas em laboratório também permitem verificar a ausência de pesticidas.

Lista das certificações de l’Herbier du Diois

A ECOCERT é uma empresa de controlo e certificação aprovada pelas autoridades públicas. Intervém no terreno, através de visitas inesperadas ou programadas, para garantir a conformidade com as normas específicas da agricultura biológica.

O RÓTULO EUROPEU permite aos profissionais identificar os seus produtos respeitando as especificações da agricultura biológica.

A BIO SUISSE Organic é uma associação suíça de organizações de agricultura biológica. As empresas certificadas pela Bio Suisse Organic têm de respeitar as especificações próprias deste rótulo, que hoje merece grande confiança dos consumidores.

O certificado JAS (Japanese Agricultural Standard) corresponde ao conjunto das normas agrícolas japonesas, e exige, em particular, além das especificações da produção biológica, a descrição pormenorizada das várias manipulações e transformações sofridas por cada produto. L’Herbier du Diois foi a primeira empresa do sector a obter esta certificação.

DEMETER é o símbolo que possibilita o reconhecimento dos produtos biológicos provenientes da agricultura biodinâmica, um método de cultivo baseado no respeito pelos ritmos da natureza e pelo solo em particular.

A FLO (Fairtrade Labeling Organisations international) é uma associação internacional que estabelece as normas da agricultura sustentável e certifica os produtores e importadores que desejam fazer negócio utilizando este rótulo. Os produtos com rótulo FLO, em particular os produtos Max Havelaar, estão sujeitos a especificações próprias, destinadas a garantir um rendimento justo para os agricultores dos países do Sul, permitindo-lhes trabalhar de maneira sustentável.

A FOR LIFE certifica empresas que elevam a fasquia em termos de condições de trabalho e ambientais, e promovem o desenvolvimento sustentável a nível local e a montante de seus sectores.

Essas empresas comprometem-se a:

  • maior responsabilidade social, orientando o seu modelo económico para práticas responsáveis.
  • oferecer condições de trabalho decentes para melhorar o bem-estar dos trabalhadores.
  • respeitar o ambiente, a biodiversidade e o clima, assumindo a responsabilidade pelos seus impactos ambientais e implementando gradualmente métodos de produção sustentáveis.
  • agir em prol do desenvolvimento local sustentável, criando empregos locais e promovendo a implantação territorial da empresa.
  • integrar práticas de compra responsáveis, assentes num diálogo com os seus produtores marcado pelo respeito; e trabalhar com os seus parceiros na promoção de práticas sociais e ambientais responsáveis.

A FAIR FOR LIFE certifica produtos de comércio justo inseridos em fileiras responsáveis. Graças a parcerias comerciais de longo prazo e a uma remuneração justa, os produtores são actores do seu próprio desenvolvimento. As empresas estabelecem relações corteses e garantem boas condições de trabalho e respeito pelo meio ambiente em toda a fileira.

«O termo ‘kosher’ significa uma alimentação que cumpre as regras alimentares judaicas. É o Kashrut da mesa e dos alimentos: o código alimentar do Judaísmo. Por um lado, agrupa todos os critérios que permitem que um alimento (animal ou vegetal) seja ou não consumido e, por outro lado, todas as leis que permitem prepará-lo ou adequá-lo ao consumo.

«Portanto, a certificação ‘Kosher’ consiste em validar os materiais e os processos de fabrico usados na empresa. Diz-se então que os alimentos conformes com essas leis são kosher, ‘adequados’ ou ‘apropriados’ para consumo, e constam de um certificado emitido pelo rabino.»